casa de boneca

Fácil assim ter muitos filhos

Panelas de todos os tipos

Comida pronta a qualquer hora

Sol brilhando noite e dia

Um sem fim de artifícios

Fim-de-semana nas terças

Um terço rezado noite inteira

Um fio trançando o destino qual desejo

Belo perfil desenhado a bico de pena

Se a dor vier, virar a página

Mudar as peças de lugar

Rasgar as horas, se pesarem muito

Devorar livros, exercitar mundos

Todos num mesmo mínimo lugar

Felicidade plena

Alma de brincar

(homenagem a Tia Loly, que há um ano partiu para uma outra casa)