um

 

Tive vontade de te escrever

Talvez por efeito de poemas relidos

Dum flerte avesso num viés da madrugada

Da rua vazia, do vento frio

Derramei palavras como quem chora

O lado cético esquerdo de mim

Forçando a mudar de assunto

Ligar a tv, o som

Mas havia um ímpeto, quase um grito

E fui escavando o resto da madrugada

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s