verso estrela

by in-dissoluvel (tumblr)

O verso que silencio

faz parte de um pacto

me acompanha e ilumina

não levanta poeira

e atém meus pés ao chão

.

somos par, indissolúvel parelha

se ele me falta

trafego em velocidade

tropeço em rimas pobres

esbarro em amores confusos

feitos de esquinas, esquivas

.

bem sei que ele sem minha alma

é só palavras esboços cores

espalhadas por aí

o verso e meu reverso

meu marco – inserção no mundo

se não fossem eles (os poemas)

quem eu seria

entre tantos barcos em mares de papel  ?

.

navego

poemo

escrevo nas estrelas

nas montanhas e no vento

e atravesso noites

baús e medos

dobrando as bordas do meu querer

bordando as horas

roubando a poesia

das vidas que sem perceber

a beleza  que tudo permeia

se deixam ir

desatentas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s